[Resenha] - Livro: Escrita Secreta




O livro Escrita Secreta, de Heloisa Prieto, tem 72 páginas e edição da Escrita Fina. É repleto de poemas, textos curtos, epifanias, pesadelos, diálogos e registros que vão para as páginas como se tivessem acabado de sair do fundo de uma gaveta. O que chama a atenção no livro é a presença marcante da fotografia. Enquanto Heloisa escreve a poesia, Priscila Nemeth e Anne Bergamin Checoli capturam a poesia com suas lentes. Projeto gráfico de Eugênia Hanitzsch.


Opinião: Achei a capa muito criativa! As páginas de couche matte, comuns nas publicações da editora, dão um toque de classe ao livro. Adoro poesia e fotografia, mas confesso que não me senti muito à vontade com esta leitura. Não me identifiquei, mas guardarei o livro com carinho para reler em outro momento.






Avaliação:
Em breve, sortearemos um exemplar deste livro.
Até mais!

[Resenha] - Livro: Alice

O livro Alice: Aventuras de Alice no País das Maravilhas & Através do espelho e o que Alice encontrou por lá, escrito por Lewis Carroll pertence à Coleção de Clássicos, Edição Bolso de Luxo da Editora Zahar.

Com 320 páginas, capa dura, traz os dois clássicos do autor, com o texto na íntegra e ilustrações originais de John Tenniel. Mesmo tendo sido escritas há mais de um século, as aventuras de Alice permanecem encantando e atraindo a atenção de leitores de várias idades.

Alice é uma menina curiosa que, em uma tarde enquanto descansava com sua irmã, viu um coelho passando apressado e resolveu segui-lo. Caiu num buraco enorme, que parecia não ter fim, e se viu em um mundo novo, o País das Maravilhas.

Enquanto a protagonista cresce exageradamente, diminui até ficar do tamanho de insetos, conhece lagarta fumante, bebê que se transforma em porco, cartas de baralho que falam, rainha louca, chapeleiro maluco... o leitor encontra na obra de Lewis Carroll lições e ironias marcantes.

Em Através do espelho e o que Alice encontrou por lá, um outro mundo é descoberto. Peças de xadrez conversam com a protagonista e ela precisa caminhar por muitas casas para se tornar rainha. Ovos que dão conselhos, moscavalos e outros personagens bizarros surgem na história que, mais uma vez, é repleta de fantasia e loucura.

Opinião: Reler As Aventuras de Alice no País das Maravilhas foi divertido! Através do Espelho eu não conhecia, mas pude perceber que as adaptações (cinema, livros menores...) compilam as duas histórias, atribuindo falas do segundo "mundo" a personagens do primeiro. Um nonsense absurdo, que em alguns momentos me deixou um pouco perdida, pensando "Como assim ela andou tanto tempo e não saiu do lugar?". As duas histórias colocam a imaginação para trabalhar e fogem do que normalmente é escrito para crianças. Além disso, o livro é bem editado e as ilustrações encantadoras.

Avaliação: 

[Sorteio] - Resultado: Cidades de Papel

Boa tarde!

Quem levou o livro foi Marcella Ximenes. Ela terá 48h para responder ao e-mail e o envio ficará por conta da Intrínseca. Obrigada a todos que participaram!

Participem: [Sorteio] - Livro: Eu me chamo Antônio

[Fotos] - Destrua este diário

Bom dia!
Comecei a destruir o meu diário ([Resenha] - Livro: Destrua este diário) e vim mostrar algumas páginas para vocês.











Nunca me imaginei aquarelando um livro! haha Está sendo terapêutico. Como sabem, estudo Jornalismo e colei meu primeiro artigo publicado. A página dos círculos nem eu entendi, só fui completando aleatoriamente. Essa das mãos é minha favorita, por enquanto. <3 Tem coisa que remete mais à infância do que contornar a própria mão? Todo mundo fazia isso! 

E vocês? Como estão destruindo ou planejam destruir os seus diários?


[Sorteio] - Livro: Eu me chamo Antônio



Olá! O Natal está chegando e o Ratas de Biblioteca não poderia deixar de comemorar né? ♥ Por isso, sortearemos um exemplar do livro Eu me chamo Antônio, de Pedro Gabriel, Editora Intrínseca. ([Resenha] - Livro: Eu me chamo Antônio). Para participar, preste atenção nas regras e preencha o formulário que está no fim deste post.

Regras
1. Ter endereço de entrega no Brasil;
2. Curtir a página do Ratas de Biblioteca no facebook;

3. Preencher o formulário abaixo UMA ÚNICA VEZ.

Chances extras
Você pode preencher o formulário mais uma vez sempre que:
1. Compartilhar a imagem da promoção no Facebook PUBLICAMENTE (não se esqueça deste detalhe, você precisa alterar a configuração de privacidade);
Exemplo de post "público".

Atenção: Não há limites de vezes para compartilhamento no Facebook, mas pedimos que seja apenas uma vez por dia, ok?

2. Divulgar o sorteio em seu blog;
3. Comentar em qualquer post do Ratas que tenha sido publicado a partir do dia 07/12/2013.



Você pode participar até o dia 31/12/2013. O sorteio será realizado via Random.org e o vencedor será notificado por e-mail (caso não responda em até 48h, outra pessoa será sorteada).
Boa sorte!

[Lista] - Meta de leitura para as férias II


Nas férias de julho, fiz esse post: [Lista] - Meta de leitura para as férias. E, recentemente, postei sobre o que já li desde que entrei de férias.
Agora, chegou a vez de separar o que lerei entre dezembro e janeiro!





1. Os colegas - Lygia Bojunga
2. Alice: Aventuras de Alice no País das Maravilhas e Através do Espelho e o que Alice Encontrou por Lá - Lewis Carroll
3. Princesa em treinamento - Meg Cabot
4. Princesa à espera - Meg Cabot
5. Quincas Borba - Machado de Assis
6. Jogos Vorazes - Suzanne Collins
7. Eu me chamo Antônio - Pedro Gabriel

Alguma outra sugestão?

[Resenha] - Livro: Eu me chamo Antônio


Eu me chamo Antônio
Pedro Gabriel
Editora Intrínseca

Em outubro de 2012, Pedro Gabriel inaugurou a página "Eu me chamo Antônio" no Facebook, para compartilhar os desenhos e as frases que rabiscava com caneta hidrográfica em guardanapos nas noites em que batia ponto no Café Lamas, um dos mais tradicionais bares do Rio de Janeiro. Em menos de um ano, conquistou mais de 300.000 seguidores entusiasmados.

Em seu primeiro livro, ele apresenta uma das histórias vividas por seu alter ego em noites regadas a muito chope, desde a cuidadosa aproximação da pessoa desejada, o encantamento e a paixão, até o sofrimento provocado pela ausência e a dor da perda. Mas, como uma noite é sempre diferente da próxima, Antônio ri de si mesmo e sempre parte para outra.
Através do Tumblr, conheci, há bastante tempo, os adoráveis guardanapos de Pedro Gabriel. Apaixonei-me por eles de imediato! Após acompanhar as postagens por tanto tempo, foi uma alegria imensa saber que um livro seria publicado.

Quem fica faz arte com as sobras de quem parte.
Pedro brinca com as palavras de uma forma única e poética, de forma que é impossível não se encantar com a obra.  /amei

Eu não sou amargo. É que, às vezes, a vida nos rouba a doçura.
A edição também ficou incrível: um livro de tamanho diferente, extremamente colorido e organizado.


O livro é divido em dez partes: "À primeira vista", "Encantado","Atire", "Fragilidade brutalidade", "Retirada", "Coragem", "Acorda", "Futuro, Apresente-se", "Liberdade" e "Desperte".

Um coração partido nunca volta pro mesmo lugar.
Como alguns poemas não são tão fáceis assim de decifrar, existe um sumário do final do livro com a legenda de todos os guardanapos.

Coração não faz sentido nem bate continência.

Estou passando por uma frase difícil.

Poesia é tudo o que não cabe no poeta.

Em suma apareça.

As coisas não mudam por dois motivos. Ou é medo ou é tarde.

Olá, como você se ama?
Você pode acompanhar o trabalho de Pedro pela sua página do Facebook, pelo seu Tumblr ou também ler seus textos no site da Editora Intrínseca (ele não escreve só poemas curtos em guardanapos!).

Na dança do amor: dor pra cá, dor pra lá.

Um livro lindo, tanto pelo conteúdo quanto pela capa e pelas ilustrações. Irá para um lugar bem especial na minha estante /sorriso

E vocês, já lerem ou compraram esse livro?

[Lista] - Leituras de férias

Boa noite!
Nem acredito que já estou de férias! Com mais tempo livre, li alguns livros muitos legais nos últimos dias:

1. As Brumas de Avalon - A senhora da magia, Marion Zimmer Bradley

Primeiro livro da série que conta a lendária história do Rei Arthur pela visão das mulheres. A magia e os conflitos prendem completamente a atenção do leitor. Fiquei com o psicológico um pouco abalado, por isso não sei ao certo quando darei sequência à leitura dos próximos livros.

2. O fazedor de amanhecer, Manoel de Barros e Ziraldo

Manoel de Barros é o poeta favorito do meu cunhadinho Renato. Quando vi este livro na prateleira da biblioteca, não resisti. Ainda mais com ilustrações do Ziraldo! Alguns poemas achei fortes demais para um livro infantil, mas gostei bastante.

3. Princesa apaixonada, Meg Cabot

Ahá, este eu resenhei. Tá aqui: [Resenha] - Livro: Princesa Apaixonada

4. O Pequeno Príncipe, Antoine de Saint-Exupéry

Há quase dez anos o li pela primeira vez. Relê-lo agora foi uma experiência muito gostosa, que me fez um bem enorme. A singeleza, a delicadeza, os ensinamentos presos naquelas frases que estamos cansados de ver compartilhadas na internet... são um encanto. Fiquei emocionada, realmente cativante.

5. Desventuras em série - A sala dos répteis, Lemony Snicket

Segundo livro da coleção Desventuras em série. (O primeiro foi resenhado aqui: [Resenha] - Livro: Desventuras em Série: Mau começo). Depois de descobrirem que o tutor Conde Olaf era um impostor, os órfãos Baudelaire são mandados para a casa do Tio Monty, um adorável homem apaixonado por répteis. Pensam que ali serão felizes, mas, como sempre, são impedidos disso. Muita tristeza!

6. Abandono, Meg Cabot

Primeiro volume da nova série de Meg Cabot, lançado este ano. Pierce Oliviera teve uma experiência de quase morte e, desde então, tudo ficou diferente para ela. Inspirado no mito de Hades e Perséfone, o livro prende a atenção do leitor usando recursos que atiçam a curiosidade. Depois irei resenhá-lo. Adorei, quero logo a continuação.

7. Crônicas para jovens de amor e amizade, Clarice Lispector

A seleção feita pela Rocco ficou muito interessante. Este livro só fez crescer minha admiração pela autora.

---------------------------

É isso! O post acabou ficando maior do que eu esperava. Espero que esta lista aumente muito até janeiro. E vocês? O que leram, estão lendo ou vão ler nessas férias?


[Resenha] Livro: Princesa apaixonada

Princesa apaixonada é o terceiro livro da série O diário da princesa, de Meg Cabot. Editado pela Record, possui 256 páginas e tem como protagonista Amelia Mignonette Grimaldi Thermopolis Renaldo (mas só sua avó a chama assim).

Mia Thermopolis é uma garota que descobriu, aos 14 anos, ser filha única de um príncipe. A herdeira do trono de Genovia é vegetariana, defensora dos animais, complexada com sua altura e magreza, usa sempre confortáveis coturnos de combate e dá mais atenção ao seu gato, FatLouie, do que a si mesma.

Neste volume, Mia está se preparando para seu primeiro pronunciamento oficial como membro da família real, tendo aulas com sua avó, Grandmère, princesa viúva de Genovia. E a companhia desta senhora não é muito... agradável. Como se não bastasse, Helen, sua mãe, está esperando um bebê de Sr. Gianini, seu professor de álgebra.

Finalmente Mia realizou o desejo de ter um namorado. Seu nome é Kenny, mas um pequeno detalhe impede que tudo esteja perfeito: ela não o ama. Apesar de gostar dele, é por outra pessoa que seu coração bate mais rápido. (E este é um segredo que Lilly, sua melhor amiga, não pode saber).

Até o dia de sua viagem para Genovia, Mia precisa passar nas provas finais, terminar o namoro sem ferir os sentimentos de Kenny, ficar totalmente preparada para o discurso, escrever um guia sobre FatLouie para que cuidem bem dele durante sua viagem e, claro, contar ao menino por quem ela suspira que ela está apaixonada.

Opinião: Adoro essa coleção! E Meg Cabot, bem, é Meg Cabot. ♥♥♥

Avaliação:

[Sorteio] - Resultado: O Lobo do Centeio

Boa noite!
E aqui está o vencedor do sorteio, que levará para casa O Lobo do Centeio.


Parabéns, Adriana Medeiros! Confira sua caixa de e-mails. :)
Obrigada a todos que participaram e deixo aqui o convite para o sorteio do livro Cidades de Papel.
Até mais!

[Resenha] - Livro: Destrua este diário

Estava super ansiosa pela chegada deste livro!

Destrua este diário, Keri Smith, Editora Intrínseca tem a função de fazer com que os leitores enciumados e carinhosos com seus livros vivam experiências novas. Derramar café, cuspir, jogar para cima, rabiscar, amassar, dobrar, sujar, revirar, estragar... cada página fornece uma instrução diferente e a intenção é que, ao terminar de preenchê-lo, o livro esteja completamente destruído.

Sugeri um booktour para a Intrínseca e faremos um entre os blogs parceiros. :) Fui a primeira a receber do meu grupo, depois de "brincar" um pouco, enviarei para o próximo blogueiro. Mal vejo a hora de ver o resultado da destruição a tantas mãos! 

Depois mostrarei o que destruí por aqui...

[Curta] - Os fantásticos livros voadores do Senhor Lessmore


Ficha técnica
Diretor: William Joyce, Brandon Oldenburg; Produção: Iddo Lampton Enochs Jr., Trish Farnsworth-Smith, Alissa M. Kantrow; Roteiro: William Joyce; Trilha Sonora: John Hunter; Duração: 15 min.; Gênero: Animação; Moonbot Studios.


Para encantar essa noite de segunda-feira, apresento a vocês Os fantásticos livros voadores do Senhor Lessmore, vencedor do Oscar 2012 de melhor curta animado. Uma demonstração de amor à capacidade que as palavras têm de transformar o mundo. Quem me indicou este vídeo foi minha sogra, Silvane, que compartilha comigo a paixão pela literatura.

Espero que gostem!

[Sorteio] Livro: Cidades de Papel

Olá!
Mais um sorteio para vocês. Dessa vez do livro Cidades de Papel, resenhado pela Amanda aqui.

Quer participar? Então curta a página do blog no Facebook (www.facebook.com/RatasDeBiblioteca), preencha o formulário abaixo uma única vez e concorra a um exemplar! 

Atenção que há possibilidade de uma chance extra! Caso compartilhe o post da promoção, publicamente, no Facebook, você pode preencher o formulário mais uma vez. (Clique aqui para acessar o post).


Participe até o dia 20/12/13.
O sorteio será realizado via Random.org e o vencedor será notificado por e-mail (caso não responda em até 48h, outra pessoa será sorteada). Boa sorte a todos!

[Resenha] - Livro: Cidades de Papel

John Green, que se tornou conhecido por "A Culpa é das Estrelas" (resenhei aqui), não é autor de um livro só. Todas as suas obras são encantadoras! Hoje vou falar sobre "Cidades de Papel", Editora Intrínseca.

Quentin Jacobsen sempre foi apaixonado por sua vizinha, Margo. Melhores amigos durante a infância, acabaram se distanciando com o tempo, à medida que Margo se tornava mais e mais popular. Em um dia qualquer, tudo muda: a bela vizinha aparece durante a madrugada na janela de Quentin, chamando-o para uma aventura de vingança. Como ele recusaria?

Após a melhor noite de todas, Quentin tem a esperança de que as coisas entre ele e Margo mudem para melhor. Porém, ele não contava com uma coisa: Margo decidiu sumir. A partir daí, ele começa a seguir algumas pistas deixadas pela vizinha, na tentativa de achá-la e, de uma vez por todas, permanecer com ela.

"O erro fundamental que eu sempre cometi era este: Margo não era um milagre. Não era uma aventura. Nem uma coisa sofisticada e preciosa. Ela era uma garota."

Assim como em seus outros livros, John apresenta, em Cidades de papel, sua incrível habilidade de contar uma história simples (e, algumas vezes, até mesmo clichê) de forma original e inteligente.Os personagens são bem construídos, com qualidades, defeitos e personalidades marcantes, de forma que se torna impossível não se apaixonar por eles. /amei

Opinião: O que mais me impressionou na obra foi a análise psicológica dos personagens, principalmente de Margo, e as preciosas lições que podemos tirar do enredo. Envolvente, engraçado, emocionante e inesquecível: uma típica obra de John Green.



[Resenha] - Livro: Odd e os Gigantes de Gelo


O livro Odd e os Gigantes de Gelo, escrito por Neil Gaiman e editado pela Rocco, conta, em 128 páginas, a história de Odd, um estranho menino que vivia num vilarejo da antiga Noruega. Apesar de ter um bom coração, a sorte não era sua amiga. Além de perder o pai, teve os ossos da perna esmagados por um tronco de árvore e, desde então, passou a mancar. No entanto, Odd não deixava de distribuir seu irritante sorriso.

Cansado de sofrer nas mãos do padrasto, Odd decidiu fugir de casa e ir viver na cabana onde o pai, que foi lenhador, costumava ficar. Lá, no meio da floresta, conheceu três personagens (um urso, uma águia e uma raposa) que possuíam segredos - e um enorme problema para resolver. Desde então, a vida de Odd se transforma e ele embarca numa aventura. O autor trabalha a narrativa infantojuvenil com delicadeza, inspirado na mitologia nórdica.
"Falar é de graça - disse Odd -, mas o homem sábio escolhe quando gastar suas palavras." (página 54)

Opinião: Achei Odd um pouco parecido com o Soluço, de Como treinar seu dragão (e talvez por isso tenha gostado dele de imediato). A leitura é rápida, gostosa e as ilustrações de Brett Helquist são lindas! Conheci Neil Gaiman através de minha amiga Marcella (que me mostrou alguns contos escritos por ele) e este foi o primeiro livro dele que li.

Avaliação: 

[Sorteio] - Livro: O Lobo do Centeio

O Lobo do Centeio, da editora Escrita Fina, já foi resenhado no Ratas de Biblioteca (clique aqui para ler a resenha). Escrito por Janaina Tokitaka, o livro é uma graphic novel sobre a lenda do lobisomem.
Quer levar um desse pra casa? Então curta a página do blog no Facebook (www.facebook.com/RatasDeBiblioteca),
preencha o formulário abaixo uma única vez e concorra a um exemplar! 


Participe até o dia 30/11/13. O sorteio será realizado via Random.org e o vencedor será notificado por e-mail (caso não responda em até 48h, outra pessoa será sorteada). Boa sorte a todos!

[Resenha] - Livro: Pobre não tem sorte 2

O livro Pobre não tem sorte 2 - Alguma coisa acontece no meu coração, Editora All Print, foi escrito por Leila Rego e é a continuação das aventuras de Mariana Louveira, personagem principal de Pobre não tem sorte. Depois de ter sido abandonada horas antes de seu casamento, a bacharel em Turismo resolve ir embora de Prudente, sua cidade natal. Junto com Clara, sua amiga, tenta a sorte em São Paulo.

"Estou em busca de novos desafios", era o que respondia em todas as entrevistas de emprego. Leu isso em um blog de dicas para desempregados e achou que funcionaria. A frase feita não colou, mas acabou definindo o que ela realmente encontrou na cidade grande.

Longe dos pais, longe de tudo o que conhecia, passou por um processo de intenso amadurecimento. Em meio aos problemas do dia a dia e à falta que sentia de Eduardo, seu ex-noivo, Mariana decide apostar em um talento como hobby para desabafar: escrever.

Ao longo do livro, é impossível não se encantar pelos personagens que convivem com ela e também por aqueles que ela cria em seus textos. A história "paralela", de Duda e Sabiá, que ela publica no Blog da Mari, é um charme especial.

Neste livro, Mari está realmente decidida a esquecer Edu e investir nela mesma. Será que consegue?

Opinião: Gostei bastante! Não pude deixar de notar que o amadurecimento de Mariana veio acompanhado do amadurecimento da autora Leila Rego - que apresentou mais clareza no texto. Novamente encontrei alguns errinhos de edição, mas em número menor do que no primeiro livro. Achei a capa muito fofa e fiquei presa na leitura, totalmente envolvida. Recomendo! :} 

* cortesia da autora

[Sorteio] - Resultado: A Garota Que Eu Quero

Boa noite!
Silvana Crepaldi foi sorteada e receberá o livro de Markus Zusak. Entrarei em contato por ela por e-mail e pelo Facebook. Caso não haja um retorno em até 48h, um novo sorteio será realizado.

Obrigada a todos que participaram!