[Resenha] - Livro: Um amor de cinema

Um amor de cinema” (Love like the movies), 294 páginas, escrito por Victoria Van Tiem e editado pela Record, conta a história de Kensington, uma mulher de 29 anos apaixonada por comédias românticas. A protagonista trabalha em uma agência de comunicação e está noiva de Bradley, seu colega de trabalho.

Ela não tem uma boa relação com a família e sente muito ciúme de Ren, esposa de seu irmão. As coisas pioram quando Kenzi anuncia seu noivado no mesmo dia em que a cunhada revela estar esperando um bebê. Atenção dividida.

Bradley é inteligente, bonito, charmoso, amigo e, como bônus, adorado pela exigente família de Kensington. Tudo corria muito bem até que um novo cliente da agência aparece: Shane.

Shane é o ex-namorado de Kenzi. O rompimento acontecera há sete anos, quando ela soube, através da amiga Tonya, que ele a havia traído. Nunca mais se falaram, até o momento em que precisaram trabalhar juntos.

A ideia do cliente era abrir um restaurante onde casais pudessem comer enquanto vissem filmes. A agência teria que criar a identidade visual. Para inspirar a artista Kenzi, Shane sugeriu que eles refizessem juntos cenas de 10 filmes românticos famosos.

A agência passava por dificuldades financeiras e, tentando ignorar o passado, a diretora de criação se viu obrigada a aceitar a proposta. Como recuperar a crença no amor bobinho, das comédias românticas, que ela tinha quando era mais nova? Como voltar a acreditar que é possível sentir frio na barriga quando a pessoa amada se aproxima? E, em meio a isso tudo, como planejar um casamento dos sonhos?

Envolvida em crises, lágrimas, risadas e companhia de sua amiga Ellie, Kensington passa a pensar em si mesma e bagunça completamente o roteiro do filme de sua vida.
Opinião: Foi como deitar no sofá e assistir a um filme da Sessão da Tarde. Leitura leve, gostosa e, claro, previsível. Adoro comédias românticas e fiquei feliz porque muitos filmes da lista que Shane montou estão entre os meus preferidos. Hahahahaha A personagem principal é divertida – como a maioria das protagonistas de livros do estilo Chick Lit – e fica difícil não descansar a mente diante de uma história simples e envolvente.
Avaliação:

E vocês?

O que andam lendo?

Comente com o Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, sua opinião é muito importante. ;)