[Resenha] - Livro: Uma Relação Perigosa

Eis que, fazendo algumas pesquisas sobre o movimento feminista, deparo-me com a francesa Simone de Beauvoir. Símbolo da libertação feminina, Simone foi escritora e filósofa existencialista. Entre suas principais obras, encontram-se "O Segundo Sexo" e "Memórias de uma moça bem-comportada", autobiográfico.

Meu amor por ela foi quase instantâneo! Dessa forma, mal pude acreditar quando "Uma Relação Perigosa", de Carole Seymour-Jones, foi lançado. Nele, explora-se tanto a vida de Simone quanto a de seu parceiro, Jean-Paul Sartre, além de esclarecer diversos pontos sobre o relacionamento dos dois e desmentir grande parte das histórias pessoais contadas por Simone em seus livros. O livro também aborda a vida política do casal, comunistas convictos que, inclusive, não se opuseram de forma relevante aos regimes totalitários vigentes na época.

Uma Relação Perigosa
Esta biografia dupla narra a história de dois dos maiores ícones intelectuais do século XX: Simone de Beauvoir e Jean-Paul Sartre. O livro é o retrato de suas vidas, desde a infância até a morte, e uma incisiva reconstrução da ligação entre eles - na verdade, uma recusa em casar-se.

Dos corredores da Sorbonne aos cafés da Rive Gauche, descobrimos como a talentosa Simone se apaixonou pelo arrogante Jean-Paul. Carole Seymor-Jones descreve o primeiro verão que passaram juntos, em 1929, os debates acalourados que se prolongavam noite adentro, a competição sexual, as traições, as ideias perigosas que levavam as pessoas a experimentar novos comportamentos e o amor profundo que este casal incomum tinha um pelo outro.

Uma relação perigosa é recheado de detalhes insólitos, intrigas nefastas, encontros, traições e comportamentos libertinos. Um relato fascinante sobre o que está por trás da lenda criada por esta dupla brilhante.
A edição do livro, feita pela Record, ficou muito bonita. As páginas centrais são ocupadas por fotos de Simone, de Sartre e de outros personagens fundamentais na vida dos dois, como Nelson Agren (um dos namorados que Simone teve durante seu relacionamento aberto com Sartre).


A vida desse casal de filósofos influenciou de forma definitiva o pensamento de século XX, principalmente pelo ideal de libertação sexual seguido por ambos. Dessa forma, recomendo a todos a leitura dessa biografia surpreendente e apaixonante!

Comente com o Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, sua opinião é muito importante. ;)