[Resenha] - Livro: Jogos Vorazes

O mundo que nós conhecemos é destruído. Porém, uma nova nação se estabelece nas antigas terras da América do Norte. Esse país é Panem, divido em 13 Distritos e a Capital. Após uma rebelião contra a Capital, o Distrito 13 é destruído. Além de ter toda a população dessa região morta, o governo estabelece os Jogos Vorazes, como forma de mostrar todo o seu poder e dominação sobre os Distritos.

Panem é formada por abruptos contrastes: enquanto os habitantes da Capital vivem no luxo, na riqueza e nos exageros, a população dos Distritos é pobre. Presos, sem permissão para mudar de região ou ir para a Capital, eles passam fome, não possuem energia elétrica e trabalham dia e noite sem segurança alguma e com salários miseráveis.

Além de todo o sofrimento já enfrentado, todo ano ocorre os Jogos Vorazes. Nessa competição, cada Distrito envia dois tributos (uma menina e um menino). Os 24 tributos devem lutar em uma arena (que é diferente a cada ano) até que só um sobreviva, sendo que tudo isso é transmitido ao vivo para toda a população.

O livro, de Suzanne Collins, é brilhante. Nele, conhecemos a história de Katniss Everdeen, moradora do Distrito 12 que, após a morte de seu pai, foi obrigada a burlar os sistemas de segurança impostos pela Capital. Com seu amigo Gale, ela passa a sair dos limites do seu Distrito e a entrar na floresta para caçar, uma vez que essa se torna a única forma de alimentar sua mãe e sua doce irmã, Prim.

A rotina de Katniss era dura, mas ainda assim era melhor do que estava por vir. Durante o sorteio dos tributos para a nova edição dos Jogos Vorazes, um nome inesperado aparece: Prim. Incapaz de ver sua irmãzinha mais nova nesse jogo doentio, Katniss se apresenta como voluntária. O outro tributo escolhido é Peeta, que se tornará muito importante para a jovem Everdeen.

Para acompanhar todas as aventuras, lutas, emoções e alianças dos Jogos Vorazes, você nem precisa morar em um dos 12 Distritos restantes: basta ler o livro!

Opinião: Magnífico. Sem dúvidas um dos melhores livros que eu já li. No começo fiquei meio irritada com a narração no presente, mas com o passar dos capítulos entendi a proposta desse tempo verbal: eu não era mais Amanda Leocádio, era Katniss Everdeen. A história te cativa tanto que você simplesmente não consegue largar o livro. E, se é obrigada a largar, fica pensando o tempo inteiro no que vai acontecer a seguir. Confesso que é meio previsível, mas mesmo assim é uma obra muito bem elaborada. Entrou para a minha lista de favoritos! 

Avaliação:

Comente com o Facebook

3 comentários:

  1. Eu adorei Jogos vorazes. Uma distopia fantástica. O filme foi bonzinho, apesar não ter sido tão fiel.
    Nao achei muito previsível, de qualquer forma, espero que os outros te surpreendam bastante assim como me surpreenderam.

    Beijinhos,
    Thais Priscilla
    http://thaypriscilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thais!
      Eu também adorei o livro e pretendo assistir ao filme ainda essa semana!
      Gostei bastante das sequências, em breve postarei a resenha delas. Fiquei um bom tempo pensando sobre a história, sem conseguir ler outro livro haha

      Excluir
  2. Oi adorei.. muito obrigado, me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, sua opinião é muito importante. ;)